Sem categoria

Fuja das oportunidades

Calma, deixa eu explicar. Uma coisa que aprendi nesses anos é que na vida existem dois significados distintos para a palavra oportunidade. Há oportunidades que podem sim fazer a diferença na sua vida e que devem ser agarradas a todo custo. Outras no entanto, só são boas para quem te oferece e nunca para você. Como reconhecer uma ou outra? Desenvolvi ao longo to tempo alguns “critérios diagnósticos” que ajudam a diferenciar uma oportunidade de verdade de uma roubada:

A oportunidade de verdade:

  • Quase nunca aparece de graça, nem cai no seu colo do nada.
  • Demanda trabalho ou algum esforço de sua parte.
  • Só consegue ser aproveitada se você tiver a qualificação necessária (mesmo que tenha aparecido ao acaso).
  • Nunca te promete ou garante resultados.

A oportunidade furada:

  • Te promete resultados incríveis
  • Diz que você conseguirá aquilo sem nenhum esforço
  • Normalmente a pessoa que te oferece está muito mais interessada do que você.

Vamos aos fatos. Se aquela pessoa que te oferece um método secreto para lucrar 300% em 30 dias na bolsa de valores realmente soubesse esse método secreto, utilizaria sozinha sem contar para ninguém e estaria navegando em seu iate pelo mediterrâneo tomando champanhe e comendo lagosta, e não mandando email para você oferecendo esse segredo por míseras 10 parcelas de R$ 59,90. Então simplesmente ignore esse tipo de coisa.  Aquele “amigo” que insiste para você que encontrou o melhor negócio do mundo, e que em vez de ficar milionário com esse negócio está mais interessado que você entre por intermédio dele, NÃO está te oferecendo uma oportunidade real.

Quais são as oportunidades reais? São aquelas que dependem de sua qualificação e preparo, e que vão demandar esforço de sua parte. Por exemplo aquele trabalho que precisa de alguém com grande conhecimento em uma área específica, e que irá te recompensar pelo tempo e esforço que você colocar nele. Essa é uma oportunidade real (bem mais chata que aquelas promessas milagrosas né?).

Outro tipo de oportunidade real tem mais a ver com viver o momento e não tanto com trabalho e ganhos financeiros. Teve a oportunidade de rever um grande amigo? Aproveite. Teve um tempo de folga e pode brincar com seu filho? Não perca tempo.

Peço para que olhem essa foto:

IMG_0119

Talvez não seja uma foto com a melhor qualidade técnica do mundo, mas ela tem um diferencial que irei explicar logo mais. Tirei essa foto durante uma viagem de carro. Estava dirigindo quando vi o sol batendo nessa casinha velha que ficava na beira da estrada. Achei a cena muito bonita e pensei em parar, porém, como já era quase final do dia e eu precisava terminar a viagem, pensei em tirar a foto outra hora, pois eu sempre viajava por ali, então desisti e resolvi passar reto. Me arrependi poucos segundos depois e acabei parando o carro no acostamento. Peguei minha câmera e fui caminhando até lá. Só quando cheguei na frente da casa, percebi que o sol batia na janela lateral e saía pela janela da frente, formando um efeito incrível. Fiquei muito feliz com a foto e segui viagem, no final das contas perdi só alguns minutos.

Uns 15 dias depois passei pela mesma estrada e fui procurar a casinha. Sabem o que encontrei? Um terreno vazio. A casa havia sido demolida. Ou seja, se eu não tivesse aproveitado aquele momento, nunca mais poderia ter tirado a foto. E sabem qual é o diferencial dessa fotografia? NENHUM fotógrafo no mundo, nem o mais famoso, tem uma foto igual, afinal, essa cena já não existe mais.

Vamos aos critérios? Eu visualizei o potencial da foto (não caiu do nada no meu colo). Eu interrompi a viagem e voltei até o local para fotografar (demandou uma ação e esforço da minha parte). Eu estava qualificado para fazer a foto (anos de estudo e um equipamento adequado estavam comigo no momento). Percebem como é fácil diferenciar uma oportunidade de uma furada?

Por isso, fujam das “oportunidades”.

Viva!

PS: Por coincidência acabo de receber uma mensagem no celular com uma promessa de dobrar minha renda. Já pensei no iate no mediterrâneo.

 

8 comentários em “Fuja das oportunidades”

  1. Espetacular tua fotografia! Uma singular obra de arte, assim como o texto na integra. Com pertinência, cito Nietzche:”O homem científico é a continuação do homem artistico”.

    Curtir

Deixe uma resposta para Daizi Biacchi Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s